Postagem em destaque

INDICE AO BLOG NSG E À BIBLIOTECA VIRTUAL LACHESISBRASIL BASEADO EM BUSCAS ESPECÍFICAS

OBSERVE POR FAVOR QUE A MAIORIA DOS LINKS SÃO AUTO EXPLICATIVOS, E CONTÉM INDICAÇÃO DE CONTEÚDO ANTES MESMO DE SUA ABERTURA: 1) SOBRE ...

terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

Em resposta a leitor do blog: a questão do espaço



Não há nada mais importante na lida com Lachesis que o espaço físico. Sim, o animal é dócil, mas é também 'aquela que dá botes repetitivos', do verbete 'surucucu', em Tupi-Guarani.

Como já vivi tanto docilidade quanto agressividade extrema na lida diária, no Núcleo Serra Grande só manipulo Lachesis dentro de um 'octógono de MMA', literalmente, vide imagem abaixo: a ideia é nunca ser encurralado.

Eu nunca sedo animais com neve carbônica para a lida. O halotano pode ser usado na contenção, mas em procedimentos cirúrgicos.

Essa é a primeira e mais importante orientação que passo aos interessados em trabalhar com o gênero: com este animal especifico, a distancia segura é sempre um pouco além do que se imagina.






Confira também:

http://www.lachesisbrasil.com.br/download/BulChicagoHerpSoc_Vol41Num4pp65-68%282006%29.pdf

http://lachesisbrasil.blogspot.com.br/2013/08/mea-culpa.html

http://lachesisbrasil.blogspot.com.br/2013/07/sobre-o-duplo-s.html


Abaixo texto de Bernardo Esteves, sobre o 'octógono':

http://revistapiaui.estadao.com.br/blogs/questoes-da-ciencia/geral/serpentes-no-octogono