Postagem em destaque

INDICE AO BLOG NSG E À BIBLIOTECA VIRTUAL LACHESISBRASIL BASEADO EM BUSCAS ESPECÍFICAS

OBSERVE POR FAVOR QUE A MAIORIA DOS LINKS SÃO AUTO EXPLICATIVOS, E CONTÉM INDICAÇÃO DE CONTEÚDO ANTES MESMO DE SUA ABERTURA: 1) SOBRE ...

sábado, 6 de agosto de 2011

'Confinamento ético'



Anônimo pergunta o que entendo por 'confinamento ético'.

Respondo que no mundo ideal, a própria palavra 'confinamento' de fauna já seria anti-ética, contudo, numa área com supressão de 93% de habitat, ao se oferecer aos indivíduos em programa de reprodução em cativeiro o método NSG - meu conceito pessoal de confinamento ético - chegou-se a resultados (nascimentos) nunca alcançados no Brasil, o que indica, no mínimo, que os animais custodiados sentem-se bem onde estão.






Abaixo o 'tuppeware' da herpetologia moderna,  só usamos confinamento em espaço tão restrito por no máximo 48 horas, para soltar 'mudas encroadas' (trocas de pele aderidas). Repare na bromélia no interior da caixa, parcialmente submersa: esta planta apresenta aqui duas funções, servir de apoio ao animal, por questão de conforto, e também atua como uma especie de lamina, arrancando pele de mudas incompletas (agora soltas, porque úmidas) enquanto o animal se desloca pela caixa.



Beware of dry sheds. NSG techniques, with results after 6 hours of imersion. Bromeliad as head rest



Confinamento ético seria então tentar criar a condição onde o cativo não sabe que está preso, ou não se ressente desta condição, algo mensurável:  se o animal não tem aquele focinho arranhado e ferido, é porque não está procurando rota de fuga, e sente-se bem onde está.

Abaixo dois animais em 40 metros quadrados de viveiro de tela, dentro da Mata Atlântica.

Confira: http://lachesisbrasil.blogspot.com.br/2013/02/ferias.html






Além dos focinhos ilesos, ritmo alimentar forte, tônus, baixa irritabilidade e acasalamentos, beleza também atesta como o animal se sente. Melhor mostrar do que falar....






Nenhum comentário:

Postar um comentário